Tel: 11 98444-5979

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

Piadina Romagnola

April 12, 2017

Semana passada postei uma foto de piadina, ou piada como a chamam os mais tradicionalistas, e algumas pessoas me pediram a receita. Mas antes dela, vou explicar que trem é esse pra quem ainda não conhece.

É uma espécie de pão achatado típica da região da Romagna, que recebe diversos tipos de recheio como presunto (cru ou cozido), mozzarella e tomate; rúcula e queijo stracchino; verduras grelhadas entre muitos outros.

Não se sabe exatamente quando teve origem, mas acredita-se que remonta aos tempos da Roma antiga e, à época, era feita com cevada (orzo) – o primeiro cereal a ser cultivado em Roma – e depois com espelta (farro). Somente no século IV a espelta foi substituída pelo trigo.

Durante séculos foi um alimento principalmente das camadas menos favorecidas, pois era possível prepará-la com cereais menos nobres do que o trigo e recheá-las com o que se tivesse disponível.

Mais recentemente esse pão saiu das casas da Romagna e se difundiu por toda a Itália, tornando-se inclusive uma das comidas de rua mais queridinhas dos italianos. Em qualquer bar você pode pedir uma piadina e escolher entre diversas opções de recheio, mas infelizmente são poucos os que a produzem artesanalmente ao momento, sendo geralmente usadas massas precozidas compradas em qualquer supermercado, que em termos de sabor e qualidade deixam a desejar.

A receita típica usa como gordura a banha de porco (strutto). Muitos a substituem por azeite extravirgem de oliva, mas vale dizer que o sabor e a textura da massa mudam bastante!

E por falar em receita, vamos a ela!

 

Ingredientes

(para 8 piadine de +- 100gr cada)

 

500 gr de farinha de trigo branca

250 gr de água

80 gr de banha

8 gr de sal

 

Modo de preparo:

Peneire a farinha diretamente em uma bancada ou em uma tigela grande. Faça um buraco no centro e coloque a banha, o sal e a água. Trabalhe a massa até ficar lisa e homogênea. Deixe descansar por mais ou menos 30 minutos coberta com um pano de prato ou plástico filme. Transcorrido esse tempo, corte a massa em 8 pedaços de mais ou menos 100 gr cada e forme bolinhas. Coloque as bolinhas em um pote plástico com tampa e deixe repousar novamente para que a massa relaxe outra vez.

Abra cada bolinha com um rolo e em seguida cozinhe os discos em uma chapa de ferro ou em uma frigideira grande. Coloque o recheio de sua preferência, dobre ao meio ou enrole como um “wrap” e sirva quentinha.

Se não for comer todas no mesmo dia, cozinhe-as um pouco menos, espere esfriar e congele! Quando for utilizar retire do freezer uns 5 minutos antes e depois termine o cozimento na frigideira - ela fica crocante e perfumada como no dia em que foi feita. É uma ótima solução para aqueles dias corridos em que não temos tempo de cozinhar! 

Buon appetito! ;)

 

 

Please reload

Blog

Featured Posts

O pão, a invertida e o tempo..

August 12, 2016

1/1
Please reload

Archive
Please reload

Follow Me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Pinterest Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now